quarta-feira, 27 de abril de 2011

Grau 4: Mestre Secreto

O Grau 4, o de Mestre Secreto, é uma continuação do 3 (Mestre Maçom). O candidato (Mestre Maçom) é levado vendado à Loja de Perfeição, onde é Iniciado neste Grau.
O Grau é dedicado por excelência ao sigilo e ao segredo, e por todo o seu desenrolar chora-se a morte por assassinato do Mestre Hiram. Os culpados ainda não foram punidos, encontrando-se foragidos.
É um Grau Bíblico-Místico-Lendário. O Mestre Secreto é recebido debaixo do loureiro e da oliveira onde, em companhia dos Irmãos, derrama lágrimas ao deparar-se com o túmulo de Hiram.

1 - Ornamentação da Loja

A Loja é decorada em preto, com lágrimas brancas e representa o Sanctum e o Sanctum- Sanctorum do Templo de Jerusalém. No Oriente encontramos a Arca da Aliança, o Altar dos Perfumes, o Altar dos Pães da Proposição, o Candelabro de 7 velas (menorá), a Urna do Maná e o Bastão de Aarão. (Detalhes extraídos da Bíblia.)
O Venerável (Três vezes Poderoso Mestre) e há apenas um Vigilante, uma vez que Hiram está morto e ainda não foi substituído.



2 - Mistérios do Grau

PALAVRAS

- SAGRADA - Iod, Adonai e Ivah (as três palavras representam a divindade)

- PASSE - Ziza

SINAIS

- ORDEM - Colocar o dedo indicador e médio direitos sobre os lábios.

- SAUDAÇÃO - Estando assim à ordem, baixar a mão e voltar à mesma situação. Se o interlocutor quiser responder, fizer o mesmo sinal com a mão esquerda (este é o Sinal de Segredo).

- TOQUE - Entremear a face interna da perna direita com a face interna da perna esquerda do interlocutor. Fazer a Garra de Mestre, deslizando a mão até o cotovelo e apertar sete vezes.

-BATERIA - Dar sete pancadas, por seis e por uma (!!!!!! !).

-IDADE - Três vezes 27 anos completos.

-TRABALHO - Da madrugada à meia-noite.

3 - Insígnias do Mestre Secreto

Avental - Branco com o cordão e debrum negro, com ramos entrelaçados de oliveira e laurel com a letra Z no meio.
Na abeta azul tem um olho sobre fundo radiante, na cor dourada.
Fita - Fita azul, forrada de negro, colocada a tiracolo e tendo como Jóia uma chave de marfim com a letra Z.
A Jóia do Mestre Secreto está inteiramente de acordo com as prescrições do Grau. A chave é o principal Símbolo do silêncio e da discrição e o marfim é um Símbolo de poder, da pureza e da sabedoria.
A letra Z é a inicial da Palavra de Passe, que por sua vez também é uma espécie de chave que abre a Loja ao Mestre Secreto.
Indumentária - Todos os Irmãos estarão vestidos de preto.


*
*   *

31 comentários:

  1. Admiro sua intenção de ilustrar a verdadeira obra maçônica, agora, tentar expor seus segredos é algo passivo de muito cuidado...

    ResponderExcluir
  2. É triste saber que alguém sem compromisso com a maçonaria e para com a sociedade tente desmistificar nossos trabalhos.

    ResponderExcluir
  3. Onde é que está a fonte bibliográfica? Quando nos comprometemos informar algo temos que fazê-lo. A maçonaria já deixou de ser secreta a muito tempo. Assim, é bom informar a fonte para aqueles que estão buscando conhecimento verdadeiro saibam de onde estão retirando as informações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para quem não entendeu onde encontrar a bibliografia (apesar de o autor ter deixado bem claro onde encontrá-la), segue o link:
      http://maconariasociedadesecreta.blogspot.com.br/2010/12/bibliografia.html

      Excluir
    2. Juraste jamais revelar nossos secreto. Porquê faz isso?

      Excluir
    3. PQ. É EMBUSTEIRO. não sabe nada , Maçonaria é presencial....

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Absurdo esse tipo de situação, que sirva de exemplo aos padrinhos! Lembrem que Maçonaria é coisa pra Homens de verdade e não pra esse tipo de sujeito!

    ResponderExcluir
  6. Em relação ao SIGILO e SEGREDO, vê-se que o autor do Blog não aprendeu absolutamente nada. Enfim, um profano de Avental, a cujo "REAL SEGREDO" jamais terá alcance.

    ResponderExcluir
  7. Como disse o Gilberto, um profano de avental. Lamentável.

    ResponderExcluir
  8. Profano de avental não!!! Idiota de avental. É por homens assim que o País está como está. Verdadeira escória da humanidade!!!!

    ResponderExcluir
  9. Infelizmente vejo que o juramento o irmão se é que posso lhe chamar assim jamais se comprometeu realmente a maçonaria não é isso

    ResponderExcluir
  10. Infelizmente vejo que o juramento o irmão se é que posso lhe chamar assim jamais se comprometeu realmente a maçonaria não é isso

    ResponderExcluir
  11. Infelizmente vejo que o juramento o irmão se é que posso lhe chamar assim jamais se comprometeu realmente a maçonaria não é isso

    ResponderExcluir
  12. Infelizmente vejo que o juramento o irmão se é que posso lhe chamar assim jamais se comprometeu realmente a maçonaria não é isso

    ResponderExcluir
  13. Se pudéssemos vislumbrar o mínimo que fosse o objetivo das ordens secretas não estariam julgando o irmão que publicou algo que já tem.A maçonaria se dá pelo viver o ritual, e não apenas de ler

    ResponderExcluir
  14. o significado da maçonaria acontece não pelo simples ler e pescrutar, mas sim através da iniciação. Quem não for iniciado, poderá ler mil vezes o conteúdo que o lado esotérico deste não o alcançará.Precisamos amadurecer e rever nossos conceitos antes de sair por aí atirando pedras brutas em nossos irmãos que com muito respeito procuram esclarecer não instruídos sobre muitos tabus e preconceitos que acompanham nossa ordem.Fraternidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  15. Fica claro que bons costumes são dignos de pessoas que por si se designam fieis em manter segredo aquilo que lhes é passado para aprendizado e não exposto de forma espontânea. Se por si tens entendimento de sociedade secreta não necessitas expôr a pessoas simples que não tem ideia de que se tratam tantas informações, não é uma religião que é aberta a qualquer cidadão que não tem conhecimento filosófico e nem tem ideia de suas origens e raízes. Antes de divulgar coisas que vão alem de sua compreensão não custa consultar a ética.

    ResponderExcluir
  16. Fica claro que bons costumes são dignos de pessoas que por si se designam fieis em manter segredo aquilo que lhes é passado para aprendizado e não exposto de forma espontânea. Se por si tens entendimento de sociedade secreta não necessitas expôr a pessoas simples que não tem ideia de que se tratam tantas informações, não é uma religião que é aberta a qualquer cidadão que não tem conhecimento filosófico e nem tem ideia de suas origens e raízes. Antes de divulgar coisas que vão alem de sua compreensão não custa consultar a ética.

    ResponderExcluir
  17. A bibliografia que não foi citada, é o Ritual do Grau 4. Se todos os iniciados receberam o referido ritual, qual a necessidade de torna-lo público? Qual a intenção do blogueiro em revelar as palavras, gestos e sinais que prometeu guarda-los sob sigilo? Estamos diante de um perjuro, um pérfido. A Lei Maçônica deveria alcança-lo. Quem o conhece deveria denunciá-lo. Perjuro é crime grave na Ordem.

    ResponderExcluir
  18. S.·. F.·. U.·. FICAR DEBATENDO EM PUBLICO O QUE ESTA DESCRITO AQUI, CREIO QUE DA MAIS FORCA PARA O BLOGUEIRO.

    ResponderExcluir
  19. Só rindo, o único que apoiou a divulgação não se identificou.

    ResponderExcluir
  20. Um infeliz e frustrado. Sinto muito por seres um profano.

    ResponderExcluir
  21. Um infeliz e frustrado. Sinto muito por seres um profano.

    ResponderExcluir
  22. Tudo que foi dito, é tudo aquilo que já se encontra em inúmeros livros vendidos por aí.

    ResponderExcluir
  23. Quando "um" diz que água é vinho, pode ser um ou outro.
    Quando "muitos" dizem que água é vinho, realmente poderá ser vinho.
    Cuidado...IIR.'.

    ResponderExcluir
  24. Quando "um" diz que água é vinho, pode ser um ou outro.
    Quando "muitos" dizem que água é vinho, realmente poderá ser vinho.
    Cuidado...IIR.'.

    ResponderExcluir
  25. Jurastes preferir a g.'. c.'. a revelar nossos segredos, e mesmo assim os revela.

    ResponderExcluir